Japão

Japão: Oportunidades Para Lidar Com a Crise

Por Que Buscar Trabalho do Outro Lado do Mundo?

O brasileiro teve de lidar, durante a última década, com uma queda brusca nas oportunidades de emprego, associada à baixa valorização da mão de obra e com a chegada da crise político-econômica no país.

O primeiro impacto dessa mudança chegou com o alto índice de desemprego e com a busca constante por melhores condições de trabalho.

Empregos no Japão

Empregos no Japão

Uma saída? empregos no Japão

Contudo, ao mesmo tempo em que houve uma queda significante de empregos no Brasil, ocorreu um aumento da demanda de emprego no Japão, buscando profissionais principalmente

para trabalhos em indústrias alimentícias, de autopeças e eletrônicas, que fossem capacitados para a realização de tais serviços e que pudessem contribuir com a economia do país.

Sendo assim, o Japão se tornou uma alternativa palpável para aqueles que desejavam sair da realidade brasileira de trabalho para adentrar em uma nova realidade em busca de sucesso e reconhecimento profissional.

Nova Perspectiva de Trabalho – empregos no Japão

O conceito de empregos no Japão possui grandes diferenças quando comparado com as grandes empresas brasileiras, e embora tal discrepância soe como algo impeditivo,

esse tem sido o motivo pelo qual muitos brasileiros resolveram partir em busca de oportunidades em outro continente.

Enquanto no Brasil muitos profissionais deixam de investir na qualidade de sua mão de obra, o Japão exige que o trabalho seja realizado com excelência e reconhece a importância de seus funcionários.

O pagamento por horas trabalhadas é uma realidade comum no dia a dia do trabalhador japonês, logo, para crescer em sua área e destacar-se, é necessário esforço e dedicação diária.

Além disso, viver uma nova realidade é uma experiencia impagável, trazendo complementos para o currículo e proporcionando uma visão mais ampla acerca do funcionamento das empresas e da valorização do trabalho.

Oportunidade Para Descendentes

Engana-se, no entanto, quem acredita que somente descendentes de japoneses tenham acesso às vagas de empregos no Japão. Em diversos casos o conhecimento aprofundado da língua é mais vantajoso para a empreiteira que apenas a descendência.

As empresas do Japão buscam profissionais entre 20 anos e 40 anos de idade, que tenham proficiência em japonês e que, preferencialmente, também conheçam a língua inglesa,

eliminando assim a barreira comunicacional e garantindo que o contratado consiga trabalhar e garantir os melhores resultados para a empresa.

Os descendentes de japoneses possuem facilidade para residir em território japonês, tendo tal direito aqueles que possuem descendência japonesa direta até o terceiro grau.

Nesse caso, ao mudar-se para o Japão, é possível encontrar empregos em diversas áreas com o visto de trabalho de 1 a 3 anos.

Documentação e Visto

Uma vez encontrada a vaga de trabalho, a empreiteira e a empresa se responsabilizam pelos tramites relacionados à mudança e documentação do contratado. As passagens aéreas,

visto de trabalho e documentos relacionados à imigração são pagos pelo contratante, cabendo ao funcionário apenas o suporte e o fornecimento da documentação solicitada.

Por ser um país com um grande número de imigrantes brasileiros, a adaptação se torna menos dolorosa e muitas empresas já possuem uma equipe propriamente brasileira.

Para quem deseja fugir da crise e ganhar experiencia em um novo mundo, o Japão é, sem sombra de dúvidas, uma das opções mais viáveis (e estáveis) do mercado atual.

Japão
5 (100%) 2 votes